quarta-feira, 23 de dezembro de 2015

Fofoletes

Sexto período da faculdade, primeiro semestre de 2010. Aquele momento da vida em que você percebe que encontrou um propósito, que decidiu o que quer fazer da vida pelos próximos 30 anos, ou mais. As aulas de Psicologia da Educação me encantavam e iluminavam o caminho a ser percorrido. Em Tópicos de Educação Matemática foi quando tudo se encaixou e eu percebi que não era a única sonhadora que achava que poderia mudar o mundo através da educação.

Como se "mudar o mundo" fosse uma coisa fácil, né? Bateu aquela depressão quando calculei o percentual de pessoas que seriam contagiadas pelos meus ideais. Percebi que isso era muito diferente de "mudar o mundo". Mas um professor muito sábio me disse que o importante era contribuir de alguma forma, fazer a diferença. Que aqueles poucos alunos iam me levar no coração por muito tempo se eu fizesse a coisa certa. E já teria feito toda a diferença porque eles continuariam contagiando pessoas com o mesmo amor que eu ofereci outrora. De fato, era verdade.

Essa semana me despeço de muitos alunos. Alguns se formando, outros que vou acompanhar de perto mas que não terão aula comigo, outros que só vou poder acompanhar de longe, infelizmente... embora a saudade já esteja me apertando o coração, todas as mensagens que tenho recebido e todos os depoimentos que ouvi até agora me fizeram transbordar de felicidade e me fazem acreditar que estou fazendo a coisa certa! Alguns trechos pra você entender a minha emoção:
"Você me inspirou e quero ser professora também. Você é mais que nossa professora, é nossa amiga."
"Iremos sentir falta da melhor professora de matemática/trigonometria do mundo e daquelas aulas super legais e suas dinâmicas loucas!"
"Obrigada por tudo, principalmente por ter feito parte da minha história."
"Você é a melhor professora de matemática/trigonometria que já tive. Quero fazer o terceiro ano com você."
"Vamos sentir muita saudade, não só da professora Natasha, mas da amiga e companheira."
"Queria dividir novas experiências e conquistas com você!"
"Vou levar você pra toda a minha vida, todas as suas palavras, conselhos, piadas e conversas."
"Eu tenho certeza que o interesse que você despertou em mim vai ser uma marca muito grande..."
"Natasha, não sei como vai ser sem você."
"Você foi mais que uma professora pra todos nós. Foi uma mãezona, uma tia chata, mas o mais importante... você foi uma amiga."
"Com quem a gente vai zuar? Com quem a gente vai ficar irritado com aquele barulho de piloto batendo no quadro?"
"Você mudou meu Natal, cara! Agora sempre que rola aquela música de Natal em algum lugar eu lembro da tabela seno, cosseno e tangente." (kkkkkkkkkk)
"Você não sabe como a gente te ama, acho que ninguém pode explicar."
"Você foi a melhor professora de todas!!!"
"Eu nunca vou te esquecer."
"Eu te amo!"
...e taaaaaantas outras mensagens lindas!

Minha missão, amigos, não é ensinar matemática. Nunca foi, nem nunca será. A matemática é o meio que me utilizo para desenvolver dentro de cada sujeito um cidadão de personalidade, um ser pensante, crítico, reflexivo, motivado, encorajado, criativo. Que acredita no seu potencial e vai a luta, independente, corajoso, com garra e certeza de que vai dar o melhor de si. Serei o pai rigoroso e inflexível se necessário for. Mas sempre com o propósito de vê-lo crescer e brilhar mundo afora. Afinal, como ensinar alguém a andar de bicicleta: empurrando e segurando sempre o banco pra ele não perder o equilíbrio ou incentivando, motivando e cuidando dos machucados até ele conseguir pedalar sozinho, leve como uma pluma?

Sei que tenho pouca experiência e que ainda tenho muito a ser lapidado. Três anos de carreira não são nada perto de uma vida toda de experiências, é bem verdade. Se aprendi muito nesses três anos em sala de aula, principalmente neste último ano, imagino o quanto ainda tenho pra aprender daqui pra frente. E não vejo a hora!

Que meus alunos saibam que tudo que fiz e faço é porque os amo e almejo o melhor pra eles. E como todo amor, é inexplicável e imensurável. Vocês são como meus filhos e cada um vai ter sempre o seu espacinho especial marcado dentro do meu coração.
#titiaamavocês
#fofoletes
#natmeajuda
#natvaifazerfalta
#natashiane
#partiuTS
#tônoskypeseprecisaremdeajuda

Nenhum comentário:

Postar um comentário